Uma serra de forrós: sociabilidade e festas em Gameleiras – RN

Flávio Rodrigo Freire Ferreira

Resumo


O presente artigo objetiva compreender como as festas de forró informam sobre a organização social na Serra da Gameleira (RN). Identificam-se os lugares festivos: cinco casas de forró que funcionam com regularidade. Nelas, os espaços públicos e privados apresentam limites tênues entre casa de forró e casa residência. Cada casa de forró tem seu dono que, ao realizar as festas, mobiliza os moradores e favorece o estreitamento das relações sociais. Assim, ao observar a sociabilidade festiva entre os diferentes grupos familiares, que vivem respectivamente em Gameleira de Baixo, Gameleira de Cima e Chaves Belas, o forró aparece como um evento propício à circulação dos indivíduos e aos encontros entre os segmentos sociais no espaço da Serra.

Palavras-chave


festa de forró, Serra da Gameleira, sociabilidade, relações sociais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/cam.v11i1.22382

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais