Open Journal Systems

MONITORAMENTO DA MARIPOSA ORIENTAL COM FEROMÔNIO SEXUAL SINTÉTICO NO ESTADO DO PARANÁ

Alex Sandro POLTRONIERI, Éder David Borges da SILVA, Lino Bittencourt MONTEIRO

Resumo


A mariposa-oriental, Grapholita molesta, é uma das principais pragas das fruteiras de clima temperado, danificando frutos e brotações de pomáceas e de fruteiras de caroço. Atualmente o monitoramento desse inseto é feito com armadilhas contendo feromônios sintéticos, entretanto, não há registro para uso no Estado do Paraná. O objetivo deste experimento foi comparar a atratividade do feromônio sexual sintético de G. molesta com o produzido por fêmeas criadas em laboratório. O experimento foi realizado em um pomar de macieiras ‘Imperial Gala’, em Porto Amazonas, PR, onde foram instaladas armadilhas Delta com feromônio sexual sintético BioGrapholita® e com fêmeas virgens de G. molesta. As armadilhas com feromônio sexual sintético foram mais eficientes, com mais de 90% das mariposas capturadas.


Palavras-chave


Grapholita molesta; macieira; manejo integrado de pragas; Grapholita molesta; apple tree; integrated pest management

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rsa.v9i2.11007