ÁREAS VERDES URBANAS: UM ESTUDO DE REVISÃO E PROPOSTA CONCEITUAL

Danúbia Caporusso Bargos, Lindon Fonseca Matias

Resumo


A busca pelo desenvolvimento de novas práticas e reflexões relacionadas ao planejamento urbano tem sido evidenciada no Brasil e no mundo pelo elevado número de pesquisas e estudos técnicos e científicos realizados nos últimos anos. Muitos desses estudos apontam a vegetação intraurbana como importante indicador da qualidade ambiental nas cidades devido às funções ecológicas, estéticas e de lazer que ela pode exercer. Neste contexto, a vegetação urbana recebe diferentes nomenclaturas que são utilizadas indistintamente como sinônimos do termo áreas verdes, quando na realidade, em muitos casos, não o são. O presente artigo busca contribuir para o debate teórico e conceitual relacionado ao tema áreas verdes urbanas por meio da realização de uma revisão e proposição para adequação do termo em questão.

Palavras-chave


Áreas verdes; Espaço urbano; Conceito; Qualidade ambiental

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v6i3.66481

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.