CARACTERÍSTICAS DA ARBORIZAÇÃO DOS BAIRROS CADORIN, PARZIANELLO E LA SALLE EM PATO BRANCO – PR (2007)

Danielle Acco Cadorin, Lenir Maristela Silva, Ionete Hasse, Celso Ferraz Bett, Aquelis Armiriato Emer, Juliano Rossi de Oliveira

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados e a análise dos inventários da arborização de vias públicas dos bairros Cadorin, Parzianello e La salle de Pato Branco – PR, realizados em 2007. Apenas duas espécies não foram identificadas. Os dados de cada espécime foram coletados por amostragem e anotados em planilha. Obteve–se também a freqüência relativa de cada espécie. Foram inventariados 2036 indivíduos arbóreos vivos, dos quais 1677 eram indivíduos adultos e contabilizaram 55 espécies identificadas. A análise dos resultados obtidos mostra que, das 55 espécies inventariadas, 25 são nativas e apenas 11 pertencem ao bioma local (floresta ombrófila mista). Nos bairros Cadorin, Parzianello e La Salle ocorreram, respectivamente, 49,99%, 11,18% e 17,92% de freqüência de indivíduos nativos do Brasil. Os resultados também mostraram que há predomínio de cinco espécies perante as demais, sendo: Ligustrum lucidum (ligustro), Lagerstroemia indica (extremosa), Schinus molle (aroeira), Bauhinia variegata (pata de vaca) e Tipuana tipu (tipuana). Dessas espécies, Ligustrum lucidum (ligustro) é a mais freqüente, encontrada nos três bairros, sendo responsável por 42,84% da arborização viária dos mesmos. A maioria dos indivíduos analisados possui uma boa área livre e não receberam poda na ocasião do inventário. Dentre as poucas podas observadas, destacam-se podas drásticas e podas em V.

Palavras-chave


arborização urbana; inventário; Ligustrum lucidum.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v3i4.66371

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.