ANÁLISE DA SUPRESSÃO DA ARBORIZAÇÃO VIÁRIA NA CIDADE DE SÃO CARLOS/SP NO PERÍODO DE 2004 A 2013

Daniel Tonelli Caiche, Sandra Regina Mota Silva, Sabrina Mieko Viana, Ricardo Siloto da Silva

Resumo


A urbanização, notadamente marcada pelo impacto degradador do meio natural, deflagrou diferentes alterações nos territórios. Para reversão de tais condições, o plantio de árvores contribui como uma das possibilidades de qualificação do ambiente urbano, ao proporcionar benefícios, potencializados principalmente pelas árvores de grande porte e em estágio avançado de maturidade. O objetivo desta pesquisa foi analisar a supressão da arborização viária na cidade de São Carlos, Estado de São Paulo, de modo a compreender os fatores que influenciam este processo e assim gerar subsídios para aperfeiçoamento das políticas públicas de planejamento urbano e do sistema de gestão de arborização urbana. Esta análise foi feita com base em dados obtidos na Prefeitura Municipal no período de 2004 a 2013. Foi feita análise de regressão linear simples (a=0,05) para avaliar a significância das variáveis. Os resultados indicaram que as maiores motivações para supressão estavam relacionadas ao conflito com elementos de infraestrutura, em especial o passeio público, seguidos de aspectos "fitossanitários" e na interferência da "mobilidade". Destaca-se que das árvores suprimidas por motivo "fitossanitário", a maioria apresentava a observação "poda inadequada" e somente 10% das árvores suprimidas estavam mortas. Estes resultados apontam ao planejamento inadequado, que resultaria na incompatibilização do sistema de arborização urbana como o sistema de infraestrutura.


Palavras-chave


Infraestrutura verde; Floresta urbana; Passeio público; Árvores de risco.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v11i3.63429

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.