Open Journal Systems

Indivíduos, instituições e desenvolvimento econômico

Aline Zulian, Solange Regina Marin, Paulo Ricardo Feistel

Resumo


Resumo: O conceito para desenvolvimento econômico não possui um consenso universal. No entanto, sabe-se que as instituições são parte do desenvolvimento, assim como os indivíduos. Inicia-se esta análise com base na definição conceitual proposta por Amartya Sen, que considera o desenvolvimento econômico com base no exercício das capacitações individuais. Seguindo esta corrente de pensamento, objetiva-se verificar qual a influência das instituições no comportamento dos indivíduos e, também, relacionar as instituições e os indivíduos com o desenvolvimento econômico. Destaca-se que a influência das instituições no comportamento individual será analisada na visão de Douglass C. North e de Geoffrey M. Hodgson. Percebeu-se, ao fim, que os comportamentos dos indivíduos são moldados pelas instituições preexistentes e que a definição de Sen para desenvolvimento está relacionada aos indivíduos e também às instituições, de modo a perceber que estes três elementos: indivíduos, instituições e desenvolvimento econômico estão diretamente interligados.

Palavras-chave


Desenvolvimento; Indivíduos; Instituições

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/ret.v10i4.35203