A FENOMENOLOGIA DO HOMEM RELIGIOSO SEGUNDO VIKTOR FRANKL

Thiago Antonio Avellar de Aquino, Josilene Silva da Cruz

Resumo


O objetivo do presente trabalho foi identificar a perspectiva fenomenológica da religião na visão de Viktor Frankl. Para tanto, a pesquisa foi norteada pelos seguintes questionamentos: O que é o fenômeno religioso para Viktor Frankl e como ele descreve a religiosidade humana do ponto de vista de quem a vivencia? Nessa perspectiva, realizou-se uma busca em suas principais obras e, por meio dessa revisão da literatura, destacou-se a percepção do autor acerca do fenômeno religioso. Verificou-se que, na concepção frankliana, o fenômeno religioso é um objeto, dentre outros, que a Logoterapia considera relevante para o encontro do sentido na vida, principalmente enquanto demanda do ser humano. Constatou-se ainda que Frankl contempla a Logoterapia como uma psicoterapia fenomenológica, tendo em vista que seu maior propósito consiste em descrever a experiência do indivíduo – religioso ou não –, sobretudo pelo fato de ele fazer uso consciente de sua liberdade, para passar ou não pela soleira da porta da religião.


Palavras-chave


Fenomenologia; Religiosidade; Sentido da vida

Texto completo:

PDF

Referências


AQUINO, Thiago Antonio Avellar; CRUZ, Josilene Silva da. A questão do ateísmo para o entendimento do homem no pensamento de Viktor Frankl. In: Numen: revista de estudos e pesquisa da religião, Juiz de Fora, v. 21, n2, jul./dez. 2018, pp. 81-93.

BATALHA, Wilson de Souza Campos. A filosofia e a crise do homem: panorama de filosofia moderna de Descartes a Sartre. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 1968.

BELLO, Angela Ales. Introdução à Fenomenologia. Trad. Ir. Jacinta Turolo Garcia; Miguel Mahfoud. Bauru/SP: EDUSC, 2006.

BELLO, Angela Ales. O sentido do sagrado da arcaicidade à dessacralização. Trad. Paulo Sérgio Lopes Gonçalves, Dilson Daldoce Júnior. São Paulo: Paulus, 2018.

CRUZ, Josilene Silva da. Espiritualidade, Resiliência e Logo-educação: os fundamentos noológicos para o ensino religioso. 2020. 233 fls. Tese. Doutorado em Ciências das Religiões. UFPB – Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, 2020.

FILORAMO, Giovanni; PRANDI, Carlo. As ciências das religiões. Trad. José Maria de Almeida. São Paulo, Paulus, 1999.

FRANKL, Viktor E. Fundamentos Antropológicos da Psicoterapia. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1978.

FRANKL, Viktor E. La voluntad de sentido. Conferencias escogidas sobre logoterapia. Barcelona: Herder, 1988.

FRANKL, Viktor Emil. Psicoterapia e sentido da vida: fundamentos da logoterapia e análise existencial. Trad. Alípio Maia de Castro, 1989a.

FRANKL, Viktor Emil. Um sentido para a vida: Psicoterapia e humanismo. Trad. Victor Hugo Silveira Lapenta. Aparecida, SP: Editora Santuário, 1989b.

FRANKL, Viktor Emil. En el principio era el sentido: reflexiones en torno al ser humano. Trad. Héctor Piquer Minguijó. Barcelona: Paidós, 2000.

FRANKL, Viktor E. Logoterapia e análise existencial: textos de cinco décadas. Trad. Jonas Pereira dos Santos. Campinas/SP: Editora Psy II, 1995.

FRANKL, Viktor E. O que não está escrito em meus livros: Memórias. Trad. Cláudio Abeling. São Paulo: É Realizações, 2010.

FRANKL, Viktor E. A vontade de sentido: fundamentos e aplicações da logoterapia. Trad. Ivo Studart Pereira. São Paulo: Paulus, 2011ª.

FRANKL, Viktor E. Psicoterapia y existencialismo: escritos selectos sobre logoterapia Traducción de Antoni Martínez Riu – 2ª edición – España: Herder, 2011b.

FRANKL, Viktor E. O sofrimento de uma vida sem sentido: caminhos para encontrar a razão de viver. Trad. Karleno Bocarro. São Paulo: É Realizações, 2015.

FRANKL, Viktor E. Em busca de sentido: Um psicólogo no campo de concentração. Trad. W. O. Schlupp e Carlos C. Aveline. 40ª ed. São Leopoldo: Sinodal; Petrópolis: Vozes, 2016a.

FRANKL, Viktor E. A presença ignorada de Deus. [Trad. W. O. Schlupp e Helga H. Reinhold]. 17ª ed. São Leopoldo: Sinodal; Petrópolis: Vozes, 2016b.

FRANKL, Viktor E. Teoria e Terapia das neuroses: introdução à logoterapia e análise existencial. 1ª ed. Trad. Claudia Abeling. São Paulo: É Realizações, 2016c.

FRANKL, Viktor E. Logoterapia e análise existencial: textos de seis décadas. Trad. Marco Antônio Casanova. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2017.

FRANKL, Viktor E. Psicoterapia e existencialismo: textos selecionados em logoterapia. Trad. Ivo Studart Pereira. São Paulo: É Realizações, 2020.

HESSEN, Johannes. Teoria do conhecimento. Trad. João Vergílio Gallerani Cuter. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

HOCK, Klaus. Introdução à Ciência da Religião. Trad. Monika Ottermann. São Paulo, Edições Loyola, 2010.

HUSSERL, Edmundo. Ideias para uma fenomenologia pura e para uma filosofia fenomenológica. Trad. Márcio Suzuki. Aparecida, SP: Ideias & Letras, 1989.

HUSSERL, Edmund. Conferências de Paris. Trad. Artur Morão. Lisboa: Edições 70, 2017.

HUSSERL, Edmund. A ideia da fenomenologia. Trad. Artur Morão. Lisboa: Edições 70, 2018.

LUKAS, Elisabeth. Prevenção Psicológica: A prevenção de crises e a proteção do mundo interior do ponto de vista da logoterapia. Trad. Carlos Almeida Pereira. Petrópolis, RJ: Vozes; São Leopoldo, RGS: Sinodal, 1992.

PEREIRA, Ivo Studart. Sim à vida apesar de tudo: a fé como expressão da vontade de um sentido último. In: PONTES, Alisson de; SANTOS, David Moisés Barreto dos; DUARTE, Clea Zanatta Clavery Guarnido. (Orgs.) O legado de Viktor Frankl: caminhos para uma vida com sentido. Associação Brasileira de Logoterapia e Análise Existencial. Ribeirão Preto: IECVF, 2020, pp. 63-83.

RABUSKE, Sheila Maria Hesketh; FERREIRA, Flávia Neves. Vida e obra centrada no sentido: o legado de Viktor Frankl à humanidade. In: PONTES, Alisson de; SANTOS, David Moisés Barreto dos; DUARTE, Clea Zanatta Clavery Guarnido. (Orgs.) O legado de Viktor Frankl: caminhos para uma vida com sentido. Associação Brasileira de Logoterapia e Análise Existencial. Ribeirão Preto: IECVF, 2020, pp. 43-62.

SCHELER, Max. A posição do homem no cosmos. Trad. Marco Antônio Casanova. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2003.

TERRIN, Aldo Natale. Introdução ao estudo comparado das religiões. Trad. Giuseppe Bertazzo. São Paulo: Paulinas, 2003.

ZITKOSKI, Jaime José. O método fenomenológico de Husserl. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1994.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rt.v10i1.79462