ELEIÇÃO E MÍDIA: UMA ANÁLISE EMPÍRICA DA COBERTURA ELEITORAL DO PORTAL ELETRÔNICO DO JORNAL GAZETA DO POVO NA ELEIÇÃO À PREFEITURA DA CIDADE DE CURITIBA, ANO 2012

Anne Caroline Pellizzaro, Laura Sloboda Lopes

Resumo


Os meios de comunicação desempenham papel fundamental na sociedade contemporânea, já que constituem um espaço capaz de promover o debate público e propagar, simultaneamente, conhecimentos múltiplos sobre um mesmo conflito. Atuam também como mediadores em períodos de Campanha Eleitoral por possuírem o alcance eficaz na transmissão do quadro formado por candidatos e propostas, no período que antecede o pleito. Considerando-se a atual demanda por informações progressivamente mais ágeis e globalizadas, a internet representa uma nova dinâmica no repasse de informes. Desta forma, o objetivo do presente artigo é analisar esta nova relação entre mídia e política e qual seu modelo. Logo, pretende-se responder as seguintes perguntas: Qual a cobertura feita pelo Portal Gazeta do Povo durante o período eleitoral? Qual a visibilidade dos principais candidatos à prefeitura no portal? A hipótese é que o espaço dado aos candidatos é distinto. O método utilizado foi o quantitativo, sendo utilizados como parâmetros para a pesquisa os meses de julho a outubro de 2012. Os resultados demonstram que houve 378 entradas contendo ao menos o nome de um dos três principais candidatos às eleições municipais para o cargo de Prefeito.


Palavras-chave


Comunicação Política, Eleições Municipais, Curitiba, Mídia Digital.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/recp.v5i1.35642