Open Journal Systems

Adesão democrática, confiança institucional e posicionamento ideológico: parlamentares brasileiros e uruguaios em foco (2000-2010)

Ellen da Silva, Jaqueline da Silva Borges

Resumo


Este trabalho tem como objetivo analisar os valores políticos das elites legislativas do Brasil e do Uruguai entre 2000 e 2010. Nossa hipótese é que a percepção desses indivíduos sobre a democracia se relaciona com a sua localização no espectro ideológico. A partir dos dados coletados pelo Observatório de Elites Parlamentares da América Latina, ligado ao Observatório de Instituições Representativas da Universidade de Salamanca, e da análise através do Statistical Package for the Social Sciences-SPSS, os resultados mostraram que nos dois países a maioria dos parlamentares avalia a democracia positivamente na sua dimensão normativa, mas não o fazem na mesma intensidade quando o que está em questão é a sua dimensão institucional. A hipótese foi confirmada parcialmente, uma vez que há diferenças significativas na confiança institucional dependendo da ideologia do respondente.

Palavras-chave


elites parlamentares; valores democráticos; ideologia; América Latina; confiança em instituições.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/pr%20eleitoral.v3i2.42798

Apontamentos

  • Não há apontamentos.