Agronegócio e reforma agrária: discursos, símbolos e os elementos de análise na relação política

Cássia Morgana Faxina Pacheco, Hilda Alberton de Carvalho

Resumo


Este trabalho objetiva uma reflexão sobre a separação em dois tipos de agricultura que se formaram no Brasil e entender suas origens e a razão de serem colocadas como antagônicas. Considerando os constantes e perpétuos ataques à política pública de reforma agrária, este trabalho fará uma Análise do Discurso da Frente Parlamentar Agropecuária (FPA) a fim de se aprofundar na narrativa que tem sido formatada desde a redemocratização do país e provocar reflexões sobre esse discurso nos últimos anos. Conclui-se que essa disputa tem implicação direta na destinação do fundo público e no modelo de Estado que cada um desses grupos almeja.


Texto completo:

PDF

Referências


AGROPECUÁRIA pode ficar com pelo menos 20% do crédito subsidiado do BNDES. Agência FPA. 11 jun. 2015.

AMATO, R. Os desafios do agronegócio. Agência FPA. 06 dez. 2012.

AZAMBUJA, D. Teoria geral do Estado. Globo Livros, 2008.

BANCADA ruralista oficializa apoio a Rodrigo Maia. Agência FPA. 01 fev. 2017

BOTELHA, W. G. Investimentos estrangeiros em terras brasileiras: País merece e precisa. Agência FPA. 22 jun. 2016

BRASIL. Constituição (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília, DF: Senado Federal: Centro Gráfico, 1988.

BRASIL. II Plano Nacional de Reforma Agrária – Paz, produção e Qualidade de vida no Meio Rural. Brasília, 2003. Disponível em: Acesso em: 18 fevereiro. 2018.

BUAINAIN, A. M. et al. Sete teses sobre o mundo rural brasileiro. Revista de política agrícola, v. 22, n. 2, p. 105-121, 2013.

PRIBERAM, Dicionário. Disponível em: http://www. priberam. pt/dlpo. Acesso em, 19 jul 2019, v. 28, 2013.

EM fórum, lideranças do agro cobram mais segurança jurídica no campo. Agência FPA. 21 set. 2015.

EX-ASSENTADO, ministro da Agricultura enumera ações a serem executadas. Agência FPA. 18 mar. 2014.

GRAZIANO, X. Produtividade e ideologia no campo. Agência FPA. 02 fev. 2015.

IBGE. Censo Agropecuário 1920/2006. Até 1996 dados extraídos de: Estatísticas do Século XX. Rio de Janeiro: IBGE, 2007.

INCRA e MDA serão fiscalizados pela Comissão de Agricultura da Câmara dos Deputados. Agência FPA. 13 ago. 2015.

INCRA é omisso e cúmplice do MST, diz Nilson Leitão. Agência FPA. 09 out. 2015b.

LEITE, S. et al. Impactos dos assentamentos: um estudo sobre o meio rural brasileiro. Unesp, 2004.

MACHADO, I. L. Análise do Discurso e seus múltiplos sujeitos. In: MACHADO, I.

L.; CRUZ, A. R.; LYSARDO-DIAS, D. (Orgs.). Teorias e Práticas

Discursivas. Estudos em Análise do Discurso. Belo Horizonte: Carol Borges/NAD-FALEUFMG, 1998. p. 111-121.

MERCADANTE admite ações “à revelia” do governo e diz que vai suspender IN do Incra. Agência FPA. 21 ago. 2015.

MIRANDA, T.; ARAÚJO, N. Frente Agropecuária pede a Temer suspensão da demarcação de terras indígenas. Agência FPA. 17 mai. 2013.

MINISTRO admite necessidade de mudar processo de demarcação de áreas indígenas. Agência FPA. 21 nov. 2013.

NILSON Leitão é indicado para CPI da Funai e do Incra. Agência FPA. 06 nov. 2015.

ONGS que azucrinam agricultores serão investigadas por CPI. Agência FPA. 01 abr. 2015.

ORLANDI, E. P. Análise de discurso: princípios & procedimentos. Pontes, 2012.

PEC polêmica sobre demarcação de terras indígenas pode voltar a análise na Câmara. Agência FPA. 02 fev. 2015.

PRODUTORES culpam governo pelo agravamento de conflitos com indígenas. Agência FPA. 31 out. 2013.

SPERAFICO, D. A realidade do campo e a inviabilidade da reforma agrária. Agência FPA. 08 abr. 2016.

TEMER virá à reunião-almoço da FPA na próxima terça-feira. Agência FPA. 05 jul. 2016.

TERRAS indígenas. Senado aprova indenização para legítimos donos. Agência FPA. 26 mar. 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/guaju.v5i2.70540

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Licença Creative Commons

Guaju, Revista Brasileira de Desenvolvimento terrritorial sustentável está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Indexadores e bases de dados:

       Imagem relacionada

     

Guaju – Revista Brasileira de Desenvolvimento Territorial Sustentável

Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Territorial Sustentável (PPGDTS/UFPR)

Matinhos – Paraná

revistaguaju@gmail.com   ISSN 2447-4096