SÍNDROME DE TOURETTE NA ODONTOLOGIA: RELATO DE CASO

Lucas Trevisan SUZZIN, Priscila BRENNER, Aguinaldo Coelho de FARIAS

Resumo


A Síndrome de Tourette (ST) é um distúrbio de etiologia ainda desconhecida, a qual envolve fatores genéticos e é de natureza neuropsiquiátrica. É caracterizada por fenômenos compulsivos (tiques motores e verbais), déficit de atenção, hiperatividade e fenômenos automutilatórios. As contrações musculares rítmicas inerentes à enfermidade representam um fator de risco aumentado para o desenvolvimento de DTM. Este trabalho objetiva discutir o papel da odontologia no atendimento de pacientes com ST por meio do relato de um caso clínico. Paciente de 24 anos procurou o especialista em DTM e DOF com queixa de desgaste dentário acentuado e dor em região de masseteres bilaterais. Após a realização do tratamento com placa oclusal de estabilização e exercícios mandibulares o paciente apresentou melhora para queixa de dor. Permanece com uso noturno da placa oclusal para controle do desgaste por bruxismo, com proservação de 3 anos. Conclui-se que o cirurgião-dentista tem um papel importante no atendimento multidisciplinar do paciente com ST, melhorando sua qualidade de vida.


Palavras-chave


Síndrome de Tourette; Gilles de la Tourette; tiques; Síndrome de Tourette na Odontologia

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/rd.v19i2.24369