A BURGUESIA CONTRA O ESTADO? CRISE POLÍTICA, AÇÃO DE CLASSE E OS RUMOS DA TRANSIÇÃO

Adriano Nervo Codato

Resumo


Este artigo discute as lutas burguesas contra a “estatização” (1975/1976) e pela “democracia” (1977/1978) e suas relações com as transformações do aparelho do Estado no Brasil p ós-1974. Meu objetivo aqui é determinar em que sentido a modificação de certos formatos organizacionais promovidos pelo governo Geisel (1974/1979) alterou significativamente o sistema corrente de representação de interesses “privados”, baseados no corporativismo, e sua relação com os conflitos políticos do período da “distensão” e da “abertura”.


Texto completo:

PDF


Revista de Sociologia e Política. ISSN: 0104-4478 (versão impressa)
1678-9873 (versão online)