HEGEMONIA CAFEEIRA E “REGIME POLÍTICO OLIGÁRQUICO”

Renato Monseff Perissinotto

Resumo


Este artigo pretende discutir os condicionamentos propriamente políticos do exercício da hegemonia cafeeira durante a Primeira República. Para tanto, procuramos criticar o uso da expressão “Estado oligárquico” para explicar o caráter excludente da política republicana e, ao mesmo tempo, tentamos mostrar que somente um estudo do que chamamos aqui de “regime político oligárquico ” pode nos revelar a verdadeira natureza e a origem correta daquela exclusão. Defendemos a validade teórica, para se entender o período em pauta, da distinção entre “tipo histórico de Estado”, ‘forma de Estado” e “regime político“ feita por Nicos Poulantzas.


Texto completo:

PDF


Revista de Sociologia e Política. ISSN: 0104-4478 (versão impressa)
1678-9873 (versão online)