CARACTERÍSTICAS DA FLORA ARBÓREA DE QUATRO ESCOLAS DE PATO BRANCO-PR

Danielle Acco Cadorin, Ionete Hasse, Lenir Maristela Silva, Celso Ferraz Bett

Resumo


Este trabalho apresenta os resultados e a análise dos inventários da flora arbórea feitos no Colégio Estadual La Salle, Colégio Estadual Professor Agostinho Pereira, Colégio Estadual Castro Alves e Escola São Caetano – Irmãs Teatinas de Pato Branco – PR. Foram inventariados 462 indivíduos arbóreos vivos que contabilizaram 49 espécies identificadas e 7 não identificadas. A análise dos resultados obtidos mostra que das 49 espécies identificadas, 20 são nativas do Brasil e 11 pertencem à Floresta Ombrófila Mista, ecossistema da Mata Atlântica (bioma local). Nas escolas La Salle, Professor Agostinho Pereira, Castro Alves e São Caetano – Irmãs Teatinas, ocorreram, respectivamente, 33,72%, 32,77%, 27,96% e 20,80% de freqüência de indivíduos nativos do Brasil. As três espécies com maior ocorrência nas quatro escolas foram: Ligustrum lucidum (ligustro), Citrus sp. (citros) e Cupressus sp. (cipreste). Dessas espécies, Ligustrum lucidum (ligustro) é a mais freqüentemente encontrada nas quatro escolas, responsável por 14,9% da flora arbórea das mesmas. Apenas 4,33% dos espécimes inventariados apresentaram presença de epífitas.

Palavras-chave


Pátios escolares; Arborização; Ligustrum lucidum

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v6i2.66402

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.