PERCEPÇÃO AMBIENTAL DOS RESIDENTES DO BAIRRO PRESIDENTE MÉDICI EM CAMPINA GRANDE-PB, NO TOCANTE À ARBORIZAÇÃO LOCAL

Jussiara de Lima Oliveira Araújo, Afrânio César de Araújo, Ariosto Céleo de Araújo

Resumo


As árvores urbanas proporcionam sombra, redução da poluição sonora e do impacto da água de chuva, contribuem na diminuição da temperatura e melhoram a qualidade do ar. A percepção ambiental tem auxiliado na compreensão das expectativas, satisfações e insatisfações das populações no tocante ao meio e aos elementos relacionados à qualidade de vida e bem estar social. Objetivou-se, com este trabalho, avaliar a percepção dos moradores do bairro Presidente Médici em relação à arborização local, avaliando o grau de conhecimento da comunidade no tocante à importância das árvores, preservação e correto manejo. Foi utilizado um questionário previamente elaborado contendo questões que abordaram as seguintes temáticas: número de moradores por residência, escolaridade, nível de arborização da rua, importância da arborização, fatores positivos e negativos da arborização, colaboração para com a arborização, manutenção e melhoria da arborização, conhecimento de espécies indicadas para calçadas. Os moradores entrevistados demonstraram conhecer os benefícios da arborização bem como a preocupação em manter as árvores existentes e colaborar para a ampliação da área verde na região. Os problemas identificados podem ser minimizados a partir de ações educativas como a distribuição de folhetos informativos.

Palavras-chave


arboricultura, percepção ambiental, silvicultura urbana.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v5i2.66267

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.