MICROCLIMA EM DIFERENTES TIPOLOGIAS DE FLORESTA URBANA

Angeline Martini, Daniela Biondi, Antonio Carlos Batista, Demóstenes Ferreira da Silva Filho

Resumo


A floresta urbana é fundamental para a qualidade de vida nas cidades devido os seus inúmeros benefícios ecológicos, estéticos e sociais. Esta pesquisa teve como objetivo analisar o benefício microclimático proporcionado por diferentes tipologias de floresta urbana existentes em Curitiba-PR. Para isso, foram selecionadas as seguintes tipologias: remanescente florestal, área verde com paisagismo e arborização de ruas. O microclima dessas áreas foi analisado por meio das variáveis temperatura (°C) e umidade relativa (%) do ar, coletadas com registradores data logger modelo Hobo®, instalados em mini-abrigos meteorológicos, em 21 de fevereiro/2014 (verão) e 29 de julho/2014 (inverno), durante 24 horas, com início às 0h. Os resultados indicaram diferença microclimática entre as tipologias de floresta urbana. A temperatura média do ar no remanescente florestal foi menor do que nas demais áreas, enquanto a umidade relativa foi maior. A arborização de ruas apresentou maiores temperaturas e menores valores de umidade relativa. Conclui-se que as diferentes tipologias de floresta urbana apresentam microclimas distintos. As tipologias que possuem uma quantidade de vegetação mais expressiva tendem a apresentar menores valores de temperatura e maiores de umidade relativa, variando de intensidade conforme a estação do ano.


Palavras-chave


Benefício microclimático; temperatura do ar; umidade relativa do ar

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/revsbau.v10i4.63187

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista da Sociedade Brasileira de Arborização Urbana

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.