Industrialização e ideias econômicas no Paraná entre 1950 e 1970

Leonardo Antonio Santin Gardenal, Guilherme Grandi

Resumo


Esse artigo analisa as principais ideias econômicas presentes no Paraná, entre 1950 e 1970, que orientaram as políticas públicas e ajudaram a formatar programas de governo em busca do desenvolvimento econômico. Dessa maneira, a influência ideológica pode ser observada tanto no campo teórico quanto no intelectual, bem como desdobrada ao discurso político. O pensamento Paranista foi observado desde o século XIX, tentando criar uma autoimagem do Paraná que pudesse distingui-lo de outras regiões. Nas décadas de 1950 e 1960, foi observada a influência do pensamento desenvolvimentista, chegando à década de 1970, marcada pela ruptura com as ideias anteriores, por meio de uma visão crítica do passado e por um novo paradigma: compreender os determinantes do desenvolvimento observado naquela década. 


Palavras-chave


Ideias econômicas; Desenvolvimento econômico; Industrialização; Paraná

Texto completo:

Arquivo


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/re.v39i70.67901

Direitos autorais 2019 Revista de Economia

-----------------------------------------------------------

Revista de Economia
ISSN 0556-5782 | e-ISSN 2316-9397

Indexadores (Bases, diretórios e portais)
ARDI | Cite Factor | Diadorim | Dimensions | EZB | Genamics | Google Scholar | Journal 4-free | Latindex | LivRe | Open Air | Periódicos CAPES | ROAD | Socol@r | Sumários | World Wide Science