Dinâmica do aglomerado produtivo do setor mobiliário de São Paulo

Hilton Manoel Dias Ribeiro, Silvia Harumi Toyoshima, Tharcísio Alexandrino Caldeira

Resumo


O objetivo desse artigo foi fazer uma análise comparativade indicadores socioeconômicos entre os municípios identificadoscomo cluster do setor mobiliário e os demais municípios do Estadode São Paulo, que produzem móveis, mas não se caracterizam comoclusters. A metodologia utilizada incluiu a determinação doQuociente Locacional, para definir os dois conjuntos de municípios– de clusters e de não-clusters; a análise espacial; e, por fim, aanálise de â-convergência absoluta e condicional de renda. Osresultados mostraram que ambos os grupos apresentaram valoressignificativos para a tendência de convergência para seusrespectivos estados estacionários, entre os anos de 1991 e 2000. Adistinção na magnitude desses valores se deu por meio do cálculoda velocidade de convergência e dos valores de meia-vida. A análisedas variações de indicadores econômicos confirmou a diferençana dinâmica dos dois grupos, sendo que os municípios pertencentesao cluster apresentam melhor evolução dos indicadores.

Palavras-chave


Desenvolvimento Econômico, Convergência de Renda, Setor Mobiliário do São Paulo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/re.v35i2.17159

Direitos autorais

-----------------------------------------------------------

Revista de Economia
ISSN 0556-5782 | e-ISSN 2316-9397

Indexadores (Bases, diretórios e portais)
ARDI | Cite Factor | Diadorim | Dimensions | EZB | Genamics | Google Scholar | Journal 4-free | Latindex | LivRe | Open Air | Periódicos CAPES | ROAD | Socol@r | Sumários | World Wide Science