Análise locacional das ocupações nas regiões metropolitana e não-metropolitana do estado do Paraná

Jefferson Andronio Ramundo Staduto, Jandir Ferreira de Lima, Iandra Souza Maldaner, Cristiano Stamm

Resumo


Este artigo analisa o comportamento da localização e do crescimento emprego nos dois “Paranás”: metropolitano (RM) e não metropolitano (RNM). A análise apresentou aspectos sobre os tipos de atividades predominantes que existiam nestas duas regiões. Os indicadores de análise regional revelaram o grau de importância de cada ramo produtivo no comportamento
regional e a tendência espacial das duas regiões. Os ramos industriais tradicionais apresentam forte tendência de concentração no interior do Estado. Por outro lado, nos ramos industriais dinâmicos há uma tendência incipiente de dispersão da RM para RNM. Esse comportamento reflete a dinamicidade do
interior como um espaço econômico para essas atividades dinâmicas, mas ao contrário não se mostra verdadeiro, ou seja, a capital paranaense e seu entorno não são espaços econômicos que tendem a abrigar ramos industriais tradicionais. Além disso, a RM vem apresentando grande especilização no setor terciário.

Palavras-chave


regional analysis; regional economics; Paraná; metropolitan areas; non-metropolitan areas; análise regional; economia regional; Paraná; região metropolitana; região não-metropolitana

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/re.v34i2.12298

Direitos autorais

-----------------------------------------------------------

Revista de Economia
ISSN 0556-5782 | e-ISSN 2316-9397

Indexadores (Bases, diretórios e portais)
ARDI | Cite Factor | Diadorim | Dimensions | EZB | Genamics | Google Scholar | Journal 4-free | Latindex | LivRe | Open Air | Periódicos CAPES | ROAD | Socol@r | Sumários | World Wide Science