O problema da interpretação das obras de arte no pensamento de Arthur Danto

Charliston Pablo do Nascimento

Resumo


Este artigo pretende apresentar o conceito de interpretação das obras de arte no pensamento dantiano. Em um primeiro momento, abordaremos a relevância do conceito de interpretação das obras de arte, principalmente na era pós-histórica da arte. A seguir, apresentaremos a concepção dantiana de interpretação de superfície e sua crítica às correntes hermenêuticas como afirmadoras de klêdons teóricos. Por fim, questionaremos os problemas concernentes à relação entre a tese da interpretação de superfície e supremacia da autoridade do autor para a filosofia da arte de Danto

Palavras-chave


Arthur Danto; obras de arte; klêdons teóricos; interpretação de superfície; interpretação profunda; Brillo Boxes.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/dp.v15i2.62711

Indexado por: CLASE. Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades