Os dois deuses de Hobbes. Limites da obrigação política hobbesiana

Thamy Pogrebinschi

Resumo


O objetivo deste artigo é examinar criticamente algumas interpretações doconceito hobbesiano de obrigação política. O artigo propõe uma nova leitura do problemade obediência em Hobbes a partir de uma interpretação que leva em conta os limites daobrigação política e o contexto teológico que a envolve.

Palavras-chave


Hobbes; obrigação política; desobediência; leis de natureza; teologia; political obligation; disobedience; laws of nature; theology

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/dp.v6i3.14674

Direitos autorais



 

Indexadores: Clase, Google Scholar, Dimension. Diretórios: Academic Journal Database (JSTOR), Diadorim, Diretório Luso-Brasileiro, DOAJ, ROAD. Portais: CAPES, ScienceOpen, World Wide Science.

Qualis Periódicos - Capes: A2

 

  Todo o conteúdo desta revista está licenciado sob a Licença Internacional Creative Commons 4.0 (CC BY 4.0)