PAGAMENTO POR SERVIÇO AMBIENTAL EM FLORESTA OMBRÓFILA DENSA SECUNDÁRIA NO SUDESTE DO PARÁ

Willian Santos Paiva, Gleiciane Cardoso Costa Camelo, Raquel Feitosa de Araújo, Selma Lopes Goulart, Simone Filipini Abrão, Angelo Augusto Ebling

Resumo


Os pagamentos por serviços de sequestro e estocagem de carbono surgiram como uma forma de combater o desmatamento. Desta forma, o objetivo deste estudo foi avaliar o potencial que um remanescente florestal secundário, localizado na região sudeste do estado do Pará, possui em receber pagamentos por serviços ambientais (PSA) pelo sequestro e armazenamento de carbono. Para a quantificação de carbono na serapilheira, foram instalados coletores no remanescente florestal para posterior determinação do teor de carbono nos diferentes componentes e relacionar a produção com as variáveis climáticas. O carbono, incremento de carbono e carbono estocado no remanescente foram obtidos por meio de informações coletadas em inventário florestal contínuo e utilização de fatores de conversão disponíveis na literatura. A partir do teor médio de carbono de cada componente da serapilheira e do volume de madeira estocado na floresta, observou-se que o remanescente apresenta 25,45 Mg.ha-1 de carbono estocados na sua biomassa viva e apresenta um incremento de carbono de 1,98 Mg.ha-1.ano. O teor de carbono médio dos componentes da serapilheira foi de 47,61%, apresentando incremento anual de carbono igual a 2,73 Mg.ha-1, e forte correlação da produção total de serapilheira com as variáveis climáticas temperatura, precipitação e umidade relativa. Utilizando como base os valores pagos pela tonelada de carbono sequestrado, estimou-se que o remanescente florestal estudado poderia receber 859,56 €.ha-1, sendo que este valor poderia servir de incentivo para a conservação e manutenção da biodiversidade pelo seu custo de oportunidade.


Palavras-chave


Conservação da biodiversidade; Floresta amazônica; Políticas públicas; Serviços ambientais

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/biofix.v5i1.68458

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

BIOFIX Scientific Journal. ISSN Eletrônico (e-ISSN): 2525-9725

SJIF 2016 (Scientific Journal Impact Factor): 3.973

Indexado em (Indexed on): 

     

                    

         

  

    

   

      

Biblioteca Virtual de Biotecnología para las AméricasHsH - BibliothekSJIFactor


Todos os conteúdos desta revista estão licenciados sob uma Licença Internacional Creative Commons 4.0 (CC BY 4.0)

All the contents of this journal is licensed under a Creative Commons 4.0 Internacional License (CC BY 4.0)


Flag Counter