INTRODUÇÃO E APLICAÇÃO DA DILUIÇÃO DA PRECISÃO DAS AMBIGUIDADES GNSS – ADOP

JOÃO FRANCISCO GALERA MONICO, VINICIUS FRANCISCO ROFATTO, MARCO AURÉLIO MORAES DE MENDONÇA

Abstract


Diluição da precisão das ambiguidades GNSS, conhecida como ADOP (Ambiguity
Dilution of Precision), é o tópico principal deste artigo. Basicamente, o ADOP é
definido como uma medida escalar para avaliar a precisão das ambiguidades reais
(float). Assim, entre as inúmeras possibilidades, a ADOP pode auxiliar na previsão
do comportamento de uma linha base ou de uma rede de receptores GNSS no que
diz respeito ao problema de solução das ambiguidades envolvidas, quer seja em
tempo real (instantânea), ou no modo pós-processado. A vantagem de utilizar a
grandeza ADOP advém da possibilidade de extrair uma expressão analítica
simplificada, considerando os diversos fatores que afetam a resolução das
ambiguidades. Além disso, essa grandeza traz informação a respeito da taxa de
sucesso de resolução das ambiguidades. As expressões utilizadas nesse artigo levam
em consideração alguns fatores, como por exemplo, informações a priori da
precisão das medidas de fase da onda portadora e pseudodistância, número de
estações e satélites, número de frequências disponíveis e o comportamento da
atmosfera, considerando tanto a troposfera como a ionosfera. A partir dessas
informações, diversos cenários são factíveis de serem estabelecidos visando analisar
o impacto de cada informação particular na resolução das ambiguidades. As análises
foram realizadas no contexto de algumas estações da rede GNSS-SP, uma rede
GNSS estabelecida no Estado de São Paulo.

Keywords


GNSS; Resolução de Ambiguidades; ADOP



Copyright (c)