RESOLUÇÃO ESPACIAL DA GRADE IONOSFÉRICA E DO GIVE

CLAUDINEI RODRIGUES DE AGUIAR, PAULO DE OLIVEIRA CAMARGO

Abstract


O estado da arte na modelagem da ionosfera está em desenvolver e/ou aprimorarmétodos capazes de fornecer aos usuários do GNSS correções ionosféricasconfiáveis, em tempo real e utilizando estruturas simples de transmissão de dados.Dentro desta necessidade e com o surgimento dos sistemas de apoio à navegação, talcomo os SBASs (Satellite Based Augmentation Systems), esforços estão voltadosem fornecer informações de correções do erro sistemático da ionosfera utilizandouma estrutura de grade regular de pontos. Além disto, esforços também vêm sendodirecionados para corrigir a limitação na performance dos atuais métodos degeração de grade ionosférica em regiões equatoriais. Neste contexto, num trabalhopioneiro no Brasil, foi proposto um método para a geração da Grade Ionosférica(GI) e seu nível de confiança (GIVE – Grid Ionospheric Vertical Error) a fim demelhorar a acurácia de posicionamento e navegação pelo GNSS, além de forneceruma ferramenta que possa ser utilizada na área de estudos da ionosfera. Estetrabalho apresenta uma análise para definir a resolução espacial mais viável para aGI e para o GIVE, bem como o impacto da distribuição das estações de referênciana definição de tal resolução.

Keywords


Grade Ionosférica; GIVE; Resolução Espacial; GNSS



Copyright (c)