A curadoria de dados científicos na Ciência da Informação: levantamento do cenário nacional

Liliane Chaves de Resende, Marcello Peixoto Bax

Resumo


Para a ciência contemporânea, o compartilhamento de dados constitui elemento primordial para seu progresso e colaboração entre comunidades científicas. No contexto da ciência aberta e e-science, a ciência da informação investiga soluções para os desafios do tratamento e uso da informação. O desconhecimento atual da importância das atividades de curadoria digital dos dados científicos e do grau de adesão com esse novo cenário, causam dificuldades para o profissional da informação se adequar nesse contexto e contribuir com soluções para os desafios de curadoria digital. O objetivo da pesquisa é investigar a importância que as atividades de Curadoria digital de dados científicos têm para a área da Ciência da Informação no Brasil, frente à tendência internacional do gerenciamento do conhecimento científico.  A pesquisa segue abordagem quantitativa, é de natureza aplicada e do tipo exploratória e descritiva. Utilizou-se de procedimentos de uma pesquisa com Survey, para obter informações da Curadoria Digital por meio da opinião dos pesquisadores brasileiros da área da Ciência da Informação. As informações analisadas revelam que o campo da Ciência da Informação brasileira está buscando se adaptar nesse cenário. Os dados permitem afirmar, que ainda não há uma conscientização suficientemente assimilada pelos pesquisadores da Ciência da Informação em relação à necessidade de envolvimento mais consciente e comprometido nas atividades de Curadoria Digital. Novas pesquisas são indicadas para aprofundar esta discussão.

Palavras-chave


Curadoria Digital. Dados Científicos. Profissional da Informação. Ciência da Informação. Survey. e-Science.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Albagli, S. (2015). Ciência aberta em questão. In: Albagli, S., Maciel, M. L. & Abdo, A. H. (orgs.). Ciência aberta, questões abertas (pp. 9-25). Brasília: IBICT.

Cox, A., Searle, S., Wolski, M., Simons, N., & Richardson, J. (2015). Librarians as partners in research data service development at Griffith University. Program: electronic library and information systems.

Gil, A. C. (2008). Métodos e técnicas de pesquisa social (6. ed.). São Paulo: Atlas.

Gray, J., Szalay, A. S., Thakar, A. R. & Stoughton, C. (2002). Online scientific data curation, publication, and archiving. In Virtual observatories (Vol. 4846, pp. 103-107). International Society for Optics and Photonics. Retirado de: https://arxiv.org/pdf/cs/0208012.pdf.

Higgins, S. (2018). Digital Curation: The development of a discipline within information science. Journal of Documentation, 74(6), 1318-1338. doi: 10.1108/JD-02-2018-0024.

Kouper, I. (2016). Professional participation in digital curation. Library & Information Science Research, 38(3), 212-223. Doi: 10.1016/j.lisr.2016.08.009.

Lee, D. J. & Stvilia, B. (2017). Practices of research data curation in institutional repositories: A qualitative view from repository staff. PloS one, 12(3), e0173987. Doi: 10.1371/journal.pone.0173987.

Marconi, M. D. A. & Lakatos, E. M. (2003). Fundamentos de metodologia científica( 5 ed.). São Paulo: Atlas.

National Research Council. (2015). Preparing the workforce for digital curation. National Academies Press. Retidado de: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK293663/.

Nielsen, H. J. & Hjørland, B. (2014). Curating research data: the potential roles of libraries and information professionals. Journal of Documentation, 70(2), p. 221-240. doi: 10.1108/JD-03-2013-0034

Oliveira, A. C. S. de & Silva, E. M. da (2016). Ciência aberta: dimensões para um novo fazer científico. Informação & Informação, 21(2), 5-39. doi: 10.5433/1981-8920.2016v21n2p5.

Oliveira, E. F. T. D. & Grácio, M. C. C. (2005). Análise a respeito do tamanho de amostras aleatórias simples: uma aplicação na área de Ciência da Informação. DataGramaZero: Revista de Ciência da Informação, 6(3), 1-11.

Pavão, C. M. G. et al. (2018). Acesso aberto a dados de pesquisa no Brasil: práticas e percepções dos pesquisadores: relatório 2018. Retirado de: http://hdl.handle.net/20.500.11959/1207

Poole, A. H. (2016). The conceptual landscape of digital curation. Journal of Documentation, 72(5), p. 961-986. doi: 10.1108/JD-10-2015-0123.

Sales, L. F. & Sayão, L. F. (2012). O impacto da curadoria digital dos dados de pesquisa na comunicação científica. Encontros Bibli: revista eletrônica de biblioteconomia e ciência da informação, 7(2), 118-135. doi: 10.5007/1518-2924.2012v17nesp2p118.

Sayão, L. F. & Sales, L. F. (2016). Curadoria digital e dados de pesquisa. AtoZ: novas práticas em informação e conhecimento, 5(2), 67-71. Doi: 10.5380/atoz.v5i2.49708.

Shintaku, M., Duque, C. & Suaiden, E. J. (2015). Análise da adesão às tendências da Ciência pelos repositórios institucionais brasileiros. InCID: Revista de Ciência da Informação e Documentação, 6(2), 148-169. doi: 10.11606/issn.2178-2075.v6i2p148-169.

Thompson, C. A. et al. (2013). Specialization in data curation: Preliminary results from an alumni survey, 2008–2012. Proceedings of the American Society for Information Science and Technology, 50(1), 1-4. doi: 10.1002/meet.14505001151.

Tibbo, H. R. & Hank, C. (2015). Digital Data Curation Essentials for Data Scientists and Data Curators and Librarians. In Proceedings of the 15th ACM/IEEE-CS Joint Conference on Digital Libraries (pp. 293-294).

Tripathi, M., Shukla, A. & Sonkar, S. K. (2017). Research data management practices in university libraries: a study. DESIDOC Journal of Library & Information Technology, 37(6), 417-424.




DOI: http://dx.doi.org/10.5380/atoz.v9i1.69190

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Serviços de indexação e agregadores

Web of Science
Directory of Open Access Journals
Sumários.org: sumários de revistas brasileiras
Google Acadêmico
LivRe! Portal para periódicos de livre acesso na Internet
InfoBCI
Latindex Catálogo
Bielefeld Academic Search Engine
INFOBILA: Información Bibliotecológica Latinoamericana
REDIB (Red Iberoamericana de Innovación y Conocimiento Científico)
Brapci (Base de Dados Referencial de Artigos de Periódicos em Ciência da Informação Brapci (Base de Dados Referencial de Artigos de Periódicos em Ciência da Informação

Universidade Federal do Paraná
Mestrado e Doutorado Interdisciplinar em Gestão da Informação
ISSN: 2237-826X
Qualis (2013-2016):
B2 - Comunicação e Informação
B4 - Planejamento Urbano e Regional/Demografia; Saúde Coletiva; Interdisciplinar
B5 - Arquitetura, Urbanismo e Design; Engenharias III
Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional
Esta obra foi licenciada sob uma Licença
Creative Commons Atribuição 4.0 Não Adaptada