Open Journal Systems

ACCELERATED AGING ON THE PHYSIOLOGICAL QUALITY OF CARROT SEEDS

Amanda Regina GODOY, Charline Zaratin ALVES, Naiane Cristina de OLIVEIRA, Ana Carina S. CÂNDIDO

Resumo


O objetivo do trabalho foi estudar diferentes procedimentos para realização do teste de envelhecimento acelerado (procedimento tradicional e solução salina) na avaliação do potencial fisiológico de sementes de cenoura. O trabalho foi conduzido no Laboratório de Produção e Tecnologia de Sementes da UFMS – Campus de Chapadão do Sul/MS, utilizando-se 3 lotes de sementes de cenoura cultivar Brasília, no período de janeiro a abril de 2010. Inicialmente foi feita a determinação do teor de água e as sementes foram avaliadas pelos testes de germinação, primeira contagem de germinação, emergência de plântulas e índice de velocidade de emergência. Foram estudados diferentes procedimentos para a condução do teste de envelhecimento acelerado sendo utilizadas duas temperaturas (39oC e 42ºC) com e sem o uso de solução salina por 24, 48 e 72 horas. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado com quatro repetições, sendo que a comparação das médias foi realizada através do teste de Tukey, ao nível de 5% de probabilidade. O teste de envelhecimento acelerado (procedimento tradicional) não é eficiente para avaliação do vigor de sementes de cenoura devido à alta incidência de patógenos. Já o teste de envelhecimento acelerado com solução salina a 42ºC por 24 horas apresenta sensibilidade suficiente para avaliação do potencial fisiológico de sementes de cenoura.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/acd.v13i4.30340