Open Journal Systems

ESTUDO DE UM CASO DE TRANSBORDAMENTO DO RIBEIRÃO JOSÉ PEREIRA EM ITAJUBÁ – MINAS GERAIS

João Pedro Rodrigues da Silva, Michelle Simões Reboita, Enrique Vieira Mattos, Murilo da Costa Ruv Lemes

Resumo


O município de Itajubá, localizado no sul do estado de Minas Gerais, é afetado por inundações no período de verão. Um desses episódios ocorreu no dia 24 de janeiro de 2017 e causou o transbordamento do ribeirão José Pereira, localizado próximo ao campus da Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI). Como nesse dia choveu apenas 16 mm na região do ribeirão, que é um valor baixo para seu nível de enchente, a causa do transbordamento tornou-se de interesse para a população e comunidade científica. Diante desses fatos, o presente estudo tem como objetivo avaliar o ambiente atmosférico e geográfico que contribuiu para esta inundação do dia 24 de janeiro de 2017. O referido mês apresentou total de precipitação superior ao valor climatológico e teve no dia 23 o maior total diário de precipitação (57 mm) próximo ao ribeirão. Portanto, o período prévio à inundação foi caracterizado por excesso de umidade. Embora no dia 24 tenha precipitado apenas 16 mm, ocorreu precipitação intensa na Serra dos Toledos que, em função da geografia da região, escoou para o ribeirão José Pereira. Portanto, o acúmulo de umidade no mês de janeiro com o escoamento da água proveniente da serra foram os responsáveis pelo transbordamento do ribeirão.

Palavras-chave


Precipitação; Serra dos Toledos; Inundação.

Texto completo:

PDF