Análise do clima organizacional: um estudo multicaso em empresas do Estado do Paraná

Jean Francisco Bernardino, Helena Helena de Fátima Nunes Silva, Fernanda Cristina Barbosa Pereira Queiroz

Resumo


A compreensão do clima organizacional pode auxiliar na gestão das estratégias que orientam as intervenções e mudanças necessárias ao crescimento e desenvolvimento das organizações. Este artigo tem como objetivo analisar as informações a respeito do clima organizacional de três empresas paranaenses, de diferentes ramos de atividades, denominadas A, B e C. A Empresa A fornece serviços e tecnologias para uma instituição bancária, a Empresa B realiza serviços essenciais em um município, como limpeza pública e a Empresa C atua na área de transporte de grãos. Para a coleta de dados utilizou-se um questionário estruturado, contendo 22 questões objetivas, abrangendo as seguintes variáveis: avaliação da supervisão, avaliação do salário, avaliação do desenvolvimento profissional, avaliação do feedback e avaliação do trabalho em si (nível de estresse dos funcionários). Os resultados encontrados indicam que as Empresas A e B estão dentro do padrão de clima organizacional considerado regular e a Empresa C pode ser enquadrada como um clima ruim.  Conclui-se que há similaridade entre as empresas em alguns quesitos, que estão relacionados ao negócio, estrutura e estratégia organizacional.


Palavras-chave


Clima Organizacional, Comportamento Organizacional, Gestão de Pessoas

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/relainep.v3i4.39159

https://licensebuttons.net/l/by-nd/3.0/88x31.png

Este periódico está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional

Rev. Lat.-Am. Inov. Eng. Prod. [ReLAInEP], Curitiba (PR), Brasil

ISSN: 2317-4846 (Versão impressa)

ISSN-e: 2317-6792 (Versão online)