EVENTOS TECTÔNICOS RECORRENTES IMPRESSOS NO ARCABOUÇO ESTRATIGRÁFICO DO GRUPO ITARARÉ NA REGIÃO DE VILA VELHA, ESTADO DO PARANÁ

Barbara Trzaskos, Fernando Farias Vesely, Sidnei Pires Rostirolla

Resumo


O presente trabalho avalia o controle tectônico na deposição e deformação do intervalo basal do
Grupo Itararé no sudeste do Estado do Paraná e sua influência na anisotropia de reservatórios análogos. A
partir da análise estrutural do arenito Vila Velha, a observação das relações espaciais entre a conformação
dos estratos e as estruturas descritas e o mapeamento geológico de detalhe, propõe-se um modelo de
evolução tectono-sedimentar para a área. O Grupo Itararé foi depositado em contexto glacial, glácio-marinho
e costeiro, tendo sido afetado por vários eventos tectônicos que influenciaram a sedimentação e deformaram
a seção sedimentar. A descrição do arcabouço estrutural/estratigráfico sugere uma história tectônica complexa,
do Carbonífero ao Eocretáceo, com estruturas tectonicamente ativas durante a deposição e a sua
reativação em eventos tectônicos posteriores. A natureza da sedimentação e a deformação tectônica
superimposta em múltiplos eventos imprimiram no arenito intensa anisotropia, com diferentes escalas de
heterogeneidades estruturais e estratigráficas que limitam unidades de fluxo e controlam a circulação de
fluidos no meio poroso.

Palavras-chave


Itararé; arenito Vila Velha; análise estrutural; tectônica e sedimentação; reservatório análogo; Vila Velha sandstone; structural analysis; tectonic evolution; reservoir analogue

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/geo.v58i0.10715

Boletim Paranaense de Geociências. ISSN: 0067-964X
 
 
Programa de Pós-Graduação em Geologia da UFPR