ORIGEM E DESENVOLVIMENTO DA ECOLOGIA E DA ECOLOGIA DA PAISAGEM

João Carlos Nucci

Resumo


Para alguns as causas da crise atual da humanidade estariam na visão de mundo fragmentada e mecanicista da ciência e que, para descrever apropriadamente um mundo globalmente interligado, seria necessária uma perspectiva ecológica. Assim, a ecologia, para alguns cientistas, para vários educadores e para quase todos os meios de divulgação de massa, vem sendo considerada como uma panacéia capaz de resolver os problemas ambientais, principalmente, por sua possível visão sistêmica da realidade. Para discutir sobre essas colocações este artigo apresenta as origens históricas da Ecologia como ciência e comprova que ainda a Ecologia não conseguiu desenvolver uma visão de conjunto suficiente para enfrentar os problemas ambientais. Com o surgimento da Ecologia da Paisagem, vislumbrou-se a possibilidade de uma maior integração entre as diferentes formas de conhecimento científico, como a Geografia e a Biologia. Apesar dos avanços, o ser humano ainda é muito pouco considerado, mesmo nessa nova ciência que pretende estudar a paisagem, um conceito mais geográfico, de forma ecológica. Conclui-se que em uma civilização na qual o pensamento que fragmenta é valorizado no lugar daquele que une e pensa as relações entre as partes, não se consegue promover oportunidades de comunhão entre especialistas de diferentes áreas do conhecimento.

Palavras-chave


Ecologia; Ecologia da Paisagem; Paisagem

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5380/geografar.v2i1.7722

Revista Geografar ISSN: 1981-089X