INFORMAÇÃO GEOGRÁFICA VOLUNTÁRIA NO PROCESSO DE REAMBULAÇÃO

Odair Gonçalves Martins Junior, Julia Celia Mercedes Strauch, Cláudio João Barreto dos Santos, Rogério Luís Ribeiro Borba, Jano Moreira de Souza

Resumo


Este trabalho apresenta uma metodologia para a construção de uma base de dados voluntária em um estudo de caso para coletar dados de postos de combustível no município do Rio de Janeiro e do seu entorno de modo a inserir na base de dados do OpenStreetMap. A partir dessa experiência apresenta uma reflexão sobre a inserção do mapeamento colaborativo no processo de reambulação das Agências Nacionais de Mapeamento de modo a promover uma atualização dinâmica das bases cartográficas e maior participação social nos processos de construção do território.

Palavras-chave


Mapeamento Colaborativo, Reambulação, Mapeamento Oficial

Texto completo:

PDF


Direitos autorais 2016 Odair Gonçalves Martins Junior, Julia Celia Mercedes Strauch, Cláudio João Barreto dos Santos, Rogério Luís Ribeiro Borba, Jano Moreira de Souza

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Boletim de Ciências Geodésicas. ISSN: 1982-2170